Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Gato Pardo

Para quem conhece, vocês estão mais que vacinados. Vocês não conhecem isto? São maiores de idade? Trazem o vosso cartão de cidadão, boletim de vacinas e resgisto criminal? Não? Fantástico!!!

Gato Pardo

Para quem conhece, vocês estão mais que vacinados. Vocês não conhecem isto? São maiores de idade? Trazem o vosso cartão de cidadão, boletim de vacinas e resgisto criminal? Não? Fantástico!!!

Ora então, sexo oral...

31.01.11publicado por Gato Pardo

Lembro-me vagamente de uns meses atrás ter recebido um vídeo de uma amiga em que se arrasava todo o universo masculino pelo simples facto dos homens não entenderem as mulheres...Que elas não querem rosas, nem um Mastercard com plafond assinalável, um Mercedes SLK à porta e o George Clooney como jardineiro...Elas apenas querem um homem que saiba fazer bons minetes!

Da primeira vez que vi o vídeo tinha acabado de ver o programa de culinária do Chakall, pelo que entendi filetes...

Filetes??? Mas não há porra de homem neste mundo que saiba fazer uns bons filetes??? Ainda pensei responder ao vídeo com o contacto do Chefe Silva, mas possivelmente haveria um acréscimo de suicídios na zona da Grande Lisboa, o que nos iria colocar a par e par com Estocolmo...Depois pensei "Nah, devo ter percebido mal..."...Voltei a visualizar o dito vídeo e aí sim, percebi que era mesmo minetes (embora se diga em abono da verdade, que haverá meninas que não se importavam nada de virar filetes nas mãos do Chakall...)!

Ok...Deixem-me ir buscar a bata, o estetoscópio e o maço de tabaco...Dr. Cat is in (que trocadilho interessante...)!

 

Então é assim...O sexo oral é uma arte milenar que até hoje permanece envolvida num manto de mistério...É tipo um falo disfarçado de D. Sebastião no meio do nevoeiro...Todos os homens afirmam serem especialistas no dito, mas num inquérito da Marktest a pseudo tias de Cascais, comprova-se que os caniches sabem mais da poda do que os homens...mesmo que os cães estejam a lamber a carpete da sala...Preocupante? Sem dúvida!

Para os homens, o minete (ou cunningulus para os pseudo intelectuais da treta que não recebem um broche desde o Paleolítico...) é algo similar a bater claras em castelo...Eles já ouviram falar, leram sobre isso, mas colocar em prática...Pois...

As mulheres, esses seres ultra pacientes, quantas vezes estão ali de olhos esbugalhados fixos no tecto a gemerem como se estivessem no dentista e a pensaram que aquele livro do Cláudio Ramos é verdadeiramente uma obra literária digna do Pulitzer, não piam por pura pena do ser masculino que está ali a tentar perceber o que raio fazer com aquele pitéu...

Primeiro, o dito pitéu é para ser saboreado lentamente, não é uma travessa de amêijoas para limpar à velocidade da luz (embora a expressão amêijoa tenha o seu glamour...)...Segundo, há que saber ler a linguagem corporal...Se a mulher permanece estática, das duas uma...Ou virou cadáver por apatia ou você está a lamber a axila e ela está a tentar perceber que m*rda é que você está a fazer...Terceiro e não menos importante...O clítoris não fica nem de perto no umbigo...Apesar de ser fofinho e redondinho (e que não deve ser descurado de forma alguma...), não é aí que ela quer que você vasculhe...

Para as mulheres...Apesar de muito letradas, a arte do sexo oral é desconhecida também para muitas...Eis umas dicas...

Primeiro, não tratem o nosso amigo como se aquilo fosse um cachorro de barraca da 24 de Julho...Por muito apelativo que seja, mostarda e batata palha não o torna mais saboroso...Segundo, ele não morde mas também não foge...Portanto, nada de o agarrar com as pinças da cozinha nem de o apertar como se fosse um tubo de pasta de dentes no fim...E para terminar...Aquilo não é uma bomba de encher pneus de bicicleta...Nem vocês ralam cenoura com tamanho afinco na cozinha, portanto acalmem-se...

Vou deixar aqui dois vídeos que explicam na plenitude o sexo oral nas duas vertentes (o segundo está em espanhol rasca, mas foi o que se arranjou...)

 

 

 

4 comentários

Comentar este post